Para se beneficiar pelo Programa, as famílias devem ser cadastradas pelas entidades no sistema de Cadastro Individual de Beneficiários (CADIB), disponível no site da Secretaria das Cidades. Após o cadastramento é realizada uma análise para garantir que as famílias atendam aos critérios de participação.

Para ser atendida, a família precisa ter renda per capita de até meio salário mínimo e não possuir nenhum fogão sustentável concedido pelo Estado. Além disso, para a ordem de classificação dos beneficiários, são levados em conta os seguintes critérios: famílias com mulheres responsáveis pela unidade familiar; que possuem sistema de abastecimento d’água residencial; que possuem criança menor que 15 anos de idade; ser/ter pessoa portadora de deficiência; ou ser/ter idosos com idade acima de 65 anos.

COMO PARTICIPAR DO PROJETO FOGÃO SUSTENTÁVEL

 Critérios Obrigatórios:

1 – Família de baixa renda de até meio salário mínimo.

2- Não possuir nenhum Fogão Sustentável ou qualquer fornecido pela Secretaria das Cidades.

 Critérios Classificatórios:

1- Famílias com Mulheres responsáveis pela unidade familiar.

2- Possuir sistema de abastecimento de água residencial.

3- Ter na família crianças, menor de 15 anos de idade.

4- Pessoa portadora de deficiência ou cuja família faça(m) parte pessoa(s) com idade acima de 65 anos.