A Prefeitura Municipal de Aracoiaba realizou na última quinta-feira (3o), dentro do Projeto Governo Itinerante (Café na Comunidade) uma discussão sobre a PARALISAÇÃO que aconteceria do último dia (31), como forma de adesão ao movimento “Paralisação Já! Mais Respeito aos Municípios”, com o objetivo de chamar a atenção da população e da imprensa para a reivindicação dos prefeitos municipais, e chamar para o debate o Governo Estadual e Federal para uma análise da crise que está afetando a grande maioria dos municípios brasileiros, e que nesse momento está agravada pela seca e situação econômica do país e, em especial, pelo ajuste fiscal, que impacta diretamente nos serviços públicos básicos prestados aos brasileiros.

Como parte do ato público, o prefeito Antônio Cláudio Pinheiro reuniu Secretários, Funcionários, População em geral para explicação dos motivos da ação e leitura da Carta em Defesa dos Municípios Cearenses, que será entregue ao governador Camilo Santana e também ao Poder Executivo e Legislativo Federal.

A Prefeitura de Aracoiaba aderiu ao movimento e paralisou suas atividades e de demais secretarias, que de acordo com o Prefeito Antônio Cláudio (PSDB), serviu como uma forma de sensibilização para a capacidade financeira dos municípios que vem sendo reduzida e o aumento das responsabilidades repassadas. De acordo com o prefeito, que afirma “estar fazendo a multiplicação de pão e peixes”, não há o compromisso por parte do governo federal na liberação dos recursos financeiros para o cumprimento das responsabilidades municipais.

Com comunicação prévia ao Ministério Público local, o Movimento Municipalista do Ceará é coordenado pela Associação dos Municípios do Ceará (APRECE) e apoio da Confederação Nacional dos Municípios (CNM).